Paróquia de Maximinos

Available actions

Reader available actions

 

Paróquia de Maximinos

Description details

Record not reviewed.

Description level

Fonds   Fonds

Reference code

PT/UM-ADB/PRQ/PBRG24

Title type

Atribuído

Production dates

1615  to  1911 

Dimension and support

39 lv.; papel

Holding entity

Arquivo Distrital de Braga

Producer

Paróquia de Maximinos

Biography or history

Maximinos tem por orago São Pedro. É freguesia da cidade de Braga. Foi abadia da Mitra. Anexou a paróquia de Santo André de Gondizalves. Américo Costa, citando o Padre Carvalho regista: “É esta igreja a primeira, aonde os arcebispos vinham fazer oração, antes que fizessem a primeira entrada em Braga. (…) Junto a esta parochia de S. Pedro de Maximinos teve seu principio e primeira fundação a cidade de Braga, de que se mostram ainda hoje grandes edifícios, que dão testemunho da sua antiga majestade.” Nas “Memórias Paroquiais de 1758” são referidas a Confraria do Santíssimo Sacramento, a Confraria de São Bento, a Confraria de São Sebastião, a Confraria das Almas e a Confraria do Menino Deus. Esta última mais antiga que a Irmandade da Santa Misericórdia da cidade de Braga e, “encontrando-se huma com outra, deve humilhar-se a da Santa Mizericordia a esta do Minino Deos, por ser mais antiga e assim estar averiguado por direito.” É também registada a existência de três capelas: Nossa Senhora da Conceição, sita na Rua Direita, com confraria do mesmo nome; São Gregório Papa, sita no alto do monte com o mesmo nome, com confraria; e Madre de Deus, cabeça do vínculo do morgado de Estevão Falcão Cotta. É paróquia do concelho e diocese de Braga.

Geographic name

Maximinos, concelho de Braga

Custodial history

A partir de 1 de Abril de 1911, os livros paroquiais foram entregues, por determinação legal, às repartições do Registo Civil, criado em 18 de Fevereiro do mesmo ano, onde permaneceram até à sua incorporação nos Arquivos Distritais, após decorrerem 100 anos sobre a data de elaboração do último registo. Em 1994 foi publicado o Inventário Colectivo dos Registos Paroquiais, no âmbito do Inventário do Património Cultural Móvel.

Acquisition information

Incorporações provenientes da Conservatória do Registo Civil de Braga em 1918 (não foi possível precisar a data), 15 de janeiro de 1955, 28 de fevereiro de 1978, 29 de outubro de 1990, 16 de setembro de 1994, 22 de março de 2000, 28 de abril de 2005 e 8 de fevereiro de 2011.

Scope and content

Documentação formada por livros agrupados nas seguintes séries: batismos, casamentos e óbitos.

Arrangement

Documentos agrupados pela série documental respetiva (batismos, casamentos, etc.) e ordenados cronologicamente.

Access restrictions

Acessível, exceto unidades em mau estado de conservação.

Language of the material

POR (Português)

Other finding aid

Base de dados de descrição arquivística

Related material

Paróquia de Gondizalves-Braga